Terça, 22 de Setembro de 2020
86 99979-7842
Política ALTOS

Candidato do PT diz ouvir voz de ex-prefeito falecido em 1996

Carlinhos Leal afirma em convenção que seu irmão lhe disse para continuar administração da filha

15/09/2020 08h50 Atualizada há 7 dias
748
Por: Redação
Carlinhos Leal afirmou na convenção sentir e ouvir a voz do irmão morto em 96
Carlinhos Leal afirmou na convenção sentir e ouvir a voz do irmão morto em 96

O candidato a prefeito Carlos Augusto Leal Pinheiro, o Carlinhos Leal (PT), afirmou em discurso na convenção que homologou a sua candidatura, último domingo, que ouviu a voz do ex-prefeito César Leal, morto em 1996, e que agora retorna do além-túmulo, a lhe dizer que assumisse o desafio de continuar a administração da prefeita Patrícia Leal, filha do falecido. Carlinhos foi tesoureiro na administração do irmão César Leal que enfrentava índices desastrosos de desaprovação antes de ser morto em 11 de abril de 1996.

"... Ao mesmo tempo quando o deputado Warton Lacerda tava terminando, anunciando meu nome, eu senti que não estava só, eu senti que algo estava querendo me dizer, esse algo era o prefeito César Leal, dizendo 'assuma Carlim, esse compromisso', porque você tem que seguir o sangue Leal e continuar o trabalho da minha filha", disse Carlinhos Leal. Veja vídeo aqui. O pronunciamento foi ironizado por parte considerável da população altoense.

ASSASSINADO - César pensava em renunciar antes de ser morto; agora familiares usam seu nome exaustivamente em campanhas eleitorais

A família insiste em dizer que o ex-prefeito morto em 1996 sempre se manifesta a cada eleição. Em 2012 e 2016, a atual prefeita Patrícia Leal, também do PT, sobrinha de Carlinhos e filha de César, fez campanha usando o féretro do pai. Em palanques, ela dizia sentir a presença e ouvir a voz do falecido. Em algumas oportunidades, segundo relatos de altoenses, chegou a desmaiar diante da força do mundo invisível. Curioso é que o nome de César Leal seja utilizado de maneira exaustiva somente em períodos de campanhas eleitorais. Não se mostra nenhuma das obras que ele realizou.

Pouco antes do crime, Leal recebeu várias ameaças de morte por parte de agiotas e integrantes do crime organizado. Carlinhos Leal renunciou ao cargo alegando temer pela própria integridade. Teria sido parado por elementos do crime organizado na altura da localidade Carrapicho, BR 343, entre Teresina e Altos, que lhe teriam feito ameaças. Diante disso, abandonou o cargo e o irmão, que menos de dois meses depois foi morto barbaramente dentro da própria casa.

César Leal estava pensando em renunciar à prefeitura. Em janeiro daquele ano ele enfrentou vários protestos contra seu governo. Representantes de sindicatos e associações ocuparam o calçadão do Mercado Central e as dependências da prefeitura requerendo a liberação de recursos emergenciais do governo federal na ordem de R$ 96,1 mil. O dinheiro se destinava a reerguer casas afetadas pelas chuvas e teriam sido entregues para apaniguados do esquema do então prefeito.

PENSANDO EM RENUNCIAR

Leal concedeu entrevista aos jornalistas Donizetti Adauto e Carlos Moraes e declarou que estava pensando seriamente em renunciar à prefeitura. O então prefeito foi acusado de desfalques contra o erário e posteriormente seus espólios condenados a devolver cerca de R$ 6,3 milhões aos cofres da prefeitura. Os escândalos nunca foram totalmente esclarecidos diante de seu horrendo assassinato. De acordo com o Ministério Público, praticado sob encomenda do então vice-prefeito Antonio Orlando da Silva, que chegou a ser absolvido no Tribunal do Júri. O Tribunal de Justiça do Estado anulou a absolvição. Ele deve ser submetido a novo julgamento. (Toni Rodrigues)

Veja vídeo abaixo:

4 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Teresina - PI
Atualizado às 10h03 - Fonte: Climatempo
30°
Alguma nebulosidade

Mín. 23° Máx. 38°

33° Sensação
13 km/h Vento
59% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (23/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 39°

Sol com algumas nuvens
Quinta (24/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 37°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias