Sábado, 08 de Agosto de 2020
86 99979-7842
Política OPERAÇÃO SATÉLITES

Ex-assessor pode delatar Rejane Dias ao Ministério Público Federal

Ronald Moura, tenente coronel da Polícia Militar, era chefe de transportes e espécie de chefe de gabinete na época em que Rejane Dias foi secretária de Educação

28/07/2020 05h47
3.235
Por: Redação
Moura era conhecido na Seduc como Barack Obama
Moura era conhecido na Seduc como Barack Obama

Considerado um dos elementos mais influentes da Secretaria de Estado da Educação durante a gestão de Rejane Dias (2015/2018), o tenente coronel Ronald Moura está pensando seriamente em assumir com o Ministério Público Federal o compromisso de uma colaboração premiada, o que no jargão jurídico se chama de delação premiada.

O oficial da Polícia Militar está na mira da Operação Topique por conta de manobras realizadas à época em que foi chefe de transportes da Seduc e manteve contratos considerados ilícitos com diversas empresas investigadas na operação, dentre as quais a LC Transportes, pertencente a Luiz Carlos Magno da Silva, que está em liberdade mediante pagamento de uma fiança no valor de R$ 1,8 milhão.

O oficial era tão poderoso e imprevisível ao tempo da Seduc que os servidores tinham medo de se dirigir a ele e o faziam muito raramente e em caso de extrema necessidade. "Ele cuidava de assuntos da primeira-dama. Era quase tudo com ele, porque tinha também o Helder Jacobina", diz uma funcionária da Secretaria. "Mas chegar a ele era complicado, a não ser que ele quisesse ou que já determinasse previamente através da agenda, e isso apenas para os graduados ou empresários que o procuravam."

Ronald Moura ao tempo em que era chefe de transportes da Seduc era conhecido como Barack Obama devido ao nível de elegância com que se apresentava - roupas e sapatos impecáveis. No trato pessoal, era considerado, contudo, pessoa de acesso muito difícil, a não ser quando ele tinha algum interesse ou quando era determinado pela então secretária.

Moura é acusado dos crimes de corrupção ativa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro, organização criminosa e lavagem de dinheiro. Ano passado circularam rumores de que ele teria viajado a Brasília para fazer uma delação contra o esquema.

Seu advogado, Lucas Macedo, desmentiu a informação. Disse que ele é inocente e que a notícia sobre a viagem era falsa. "Isso é fake news", disse o advogado. "Meu cliente é inocente e vai provar sua lisura ao longo do processo."

O tenente coronel Ronald Moura é o principal investigado na Operação Satélites, deflagrada em setembro passado. Ele á acusado ainda de conduzir licitações no âmbito da Seduc para beneficiar empresas. A LC Transportes seria uma delas. Em 2019 a PF fez operação no Palácio de Karnak para notificar o coronel e apreender documentos manipulados por ele.

Somente no ano de 2015, segundo a Controladoria Geral da União, que confere apoio à Polícia Federal, estima-se prejuízos da ordem de R$ 3,456 milhões na Secretaria de Educação em razão dos contratos firmados indevidamente. A empresa Nilton Turismo Ltda havia apresentado uma proposta de R$ 3,20 por quilômetro percorrido. A Seduc, sob Moura, contratou a Locar Transportes pelo valor de R$ 3,28, através do Pregão 01/2015. (Toni Rodrigues)

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Teresina - PI
Atualizado às 00h49 - Fonte: Climatempo
26°
Alguma nebulosidade

Mín. 23° Máx. 35°

27° Sensação
7 km/h Vento
58% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (09/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 36°

Sol com algumas nuvens
Segunda (10/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 36°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias