REABERTURA

Wellington Dias define retomada das atividades a partir desta segunda, dia 8

Governador afirma que se reuniu com órgãos que formam comitê de crise e todos entendem que o momento é adequado para a reabertura gradual

07/06/2020 08h43
Por: Redação
26
Wellington Dias em live explica combate ao Covid 19 no Piauí
Wellington Dias em live explica combate ao Covid 19 no Piauí

O governador Wellington Dias (PT) anunciou através de suas redes sociais QUE manteve reunião com o Comitê de Operações Emergenciais para o coronavírus e que algumas atividades serão retomadas a partir desta semana. Na segunda-feira (08), ele vai editar um novo protocolo com providências graduais de retomada da economia.

O governador entende que o isolamento social deve permanecer, mas que é inegável que algumas atividades podem ser desempenhadas sem risco para a sociedade. A decisão de flexibilização se baseou na análise de dados epidemiológicos da doença, queda no índice de transmissibilidade, número de leitos ocupados e a abertura de novas vagas na rede hospitalar para tratamento da Covid-19.

Foi baseada também numa consulta popular feita pelo governo através das redes sociais e de institutos de pesquisas. A maior parte da população entende que é momento de reabrir. Não existem riscos, segundo essa ótica, para um agravamento do quadro.

Tomaram parte no encontro virtual representantes do Tribunal de Justiça; Ministério Público Estadual; Tribunal de Contas do Estado; OAB; Assembleia Legislativa, APPM, Prefeitura de Teresina; Corpo de Bombeiros; Polícia Militar; Federação da Câmara dos Dirigentes Lojistas; os secretários de Saúde, Florentino Neto; Administração e Previdência, Merlong Solano; do Planejamento, Antônio Neto e Governo, Osmar Junior.

Na semana passada, falamos sobre a pesquisa feita pelo governador para a reabertura. Ele joga para a população a responsabilidade sobre a reabertura. Agora ele joga também a responsabilidade para o Comitê Emergencial. Ou seja, para fechar ele tomou uma decisão praticamente sozinho. Para reabrir, ou seja, impor riscos, ele atribui a responsabilidade aos outros. Tática eficaz, a do governador. Mas para ele. (TR)

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias